A grave crise sanitária e econômica que nosso país está a enfrentar com a pandemia do COVID-19 não justifica, sob qualquer hipótese, ações políticas ou institucionais que sejam realizadas em desrespeito à Constituição da República ou em contrariedade ao conhecimento científico.

A Academia Brasileira de Direito Eleitoral e Político – ABRADEP reafirma que o momento exige contundente compromisso do povo brasileiro com a defesa do Estado Democrático de Direito, suas instituições e os direitos fundamentais.

Assim, nesse grave momento histórico, merece o mais contundente repúdio o comparecimento do Excelentíssimo Senhor Presidente de República a uma manifestação que, além de contrariar todas as normas sanitárias de proteção da saúde pública, pregava a ruptura institucional, a intervenção das Forças Armadas e o fechamento dos Poderes Constituídos, com o retorno de um período sombrio, em que não havia liberdades. Reafirmamos nosso incondicional compromisso com a Constituição da República e com a democracia e exigimos idêntico compromisso de nossos Governantes, independentemente da coloração partidária.

Compartilhe nosso conteúdo
EnglishPortugueseSpanish